logo-black-aes-2020

por Sheyla Martins

O centenário da Semana de Arte Moderna é só em fevereiro do próximo ano, mas as diversas atividades alusivas aos 100 anos do evento já começaram.

Considerada um divisor de águas na cultura brasileira, a Semana de Arte Moderna marcou a época, promovendo transformações em diversas manifestações artísticas, da literatura à arquitetura.

O evento realizado no Teatro Municipal de São Paulo, em 1922, renovou o ambiente cultural, reunindo diversos nomes da arte nacional, de diferentes setores, que apresentaram leituras inovadoras da arte, destacando as características da cultura do Brasil e rompendo influências ligadas a descendência europeia.

Artistas como Mário de Andrade, Anita Malfatti, Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, entre outros, ganharam destaque a partir desse movimento, e são referência artística até hoje.

Eventos comemorativos 

Em comemoração aos 100 anos do marco do modernismo no Brasil, uma série de apresentações inspiradas na Semana de 22 já está sendo realizada em várias cidades do Estado e se estenderão durante o ano que vem.

Em entrevista ao site Vexame, o Secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado, Sérgio Sá Leitão destaca: “Uma data da importância da Semana de 22 precisa ser celebrada ao longo de um período significativo, suficiente para que muitos eventos aconteçam”.

O palco do Theatro Municipal, local que deu início à manifestação artística, será casa de exposição de uma grande obra baseada em Tarsila Amaral. Também haverá releituras de trabalhos dos artistas modernistas, recriadas por grafiteiros, com exposição itinerante por Vila Curuçá, Sapopemba, Itaim Paulista, Parque Belém, Cidade Tiradentes e São Bernardo do Campo

A Prefeitura de Barueri está com inscrições abertas no Site para um concurso e exposição de artes visuais, em homenagem ao centenário. Serão selecionados, por uma comissão julgadora, até 50 artes de diversas categorias para compor a apresentação que ficará em exibição no local.

Além disso, espaços culturais, museus, praças, escolas, o Sesc, entre outros, estão organizando movimentos culturais, tais como roda de conversa, shows, teatro, dança, festivais, seminários e até ações para o público infantil.

Você, leitor, pode ficar por dentro de diversas programações, acessando o portal da Prefeitura de sua Cidade ou pelo Site especial criado pelo Governo do Estado de São Paulo.

Vale destacar que as iniciativas são apoiadas por Órgãos públicos e privados. O Governo do Estado por meio do ProAC Editais, programa de investimentos em Projetos Culturais, disponibilizará 1,5 milhão para viabilizar as ações.

Textos - Reportagens Shift
Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account